Painel do Fórum-RS aborda Regulamentação Profissional e Ensino EAD

Painel do Fórum-RS aborda Regulamentação Profissional e Ensino EAD

Reuniram-se na tarde desta segunda-feira (05), presidentes de Conselhos Regionais do Rio Grande do Sul, na sede da OAB em Porto Alegre, para apresentar a quatro candidatos, ao Senado da República pelo Estado, o atual cenário em que se encontram os respectivos Conselhos. 

Dois pontos centrais foram abordados, a regulamentação dos conselhos com a percepção da sociedade em relação as profissões e a questão do ensino EAD. Após os vice-presidentes se posicionarem elencando a abordagem geral e individual das suas profissões os candidatos tiveram a oportunidade de argumentar a respeito dos assuntos tratados e apresentar propostas.

A Adm. Claudia Abreu, presidente do Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul (CRA-RS), e também vice-presidente de Ações Estruturantes do Fórum dos Conselhos Regionais e Ordem das Profissões Regulamentadas do Estado ressaltou no painel que a gestão da saúde é para Administradores, assim como, a importância de ter pessoas com posturas éticas para que os recursos sejam bem aproveitados.

“Defendemos o exercício legal da nossa profissão na área de atuação.  A lei 4769 é de 1965 e ainda hoje discutimos a respeito de algumas empresas, alguns hospitais, por quem são geridos. Quando eu falo do setor da saúde é porque tenho 23 anos nessa área, fico sentida com as questões que acontecem. Sentimos porque o que precisamos é gerir os recursos públicos com muita responsabilidade, nós precisamos ter um respeito aos profissionais da saúde com equidade, e como gestora dessa área, nós temos que crescer muito, nós temos dificuldade na saúde da população porque em muitos ambientes não temos administradores, e sim outros profissionais gerindo os recursos da saúde. Toda vez que tivermos o profissional certo na área certa, na sua competência de formação a sociedade ganha. Esse é nosso papel e por isso a fiscalização. A importância de registrar um profissional e controlar para não termos essas aberrações, pois depois quem paga a conta é a sociedade. Então entendo que é muito importante ter aqui os candidatos ao senado, para que isso não passe em branco, nós precisamos ter esse cuidado para que todos dentro da sua ciência, da sua área de competência respondam e quando não fizerem o correto existem os tribunais de ética”, conclui Claudia. Também esteve presente representado o CRA-RS o Adm. Carlos Strey conselheiro, presidente da Comissão de Ética.

Atualmente no Brasil existem 32 conselhos federais de profissões regulamentadas e 531 conselhos regionais. Cuja atuação é pautada pela defesa da sociedade, representando, orientando, fiscalizando aproximadamente 18 milhões de profissionais em todo Brasil. O Fórum busca, com a união de todos, a proteção da sociedade e por isso esse movimento de promover a posição dos candidatos ao senado, quanto aos conselhos das profissões é tão importante.  Cabe aos senadores a proposição de leis, políticas e projetos que atendam às necessidades do povo brasileiro.

 Acesse aqui