Vice-presidente de Fiscalização e Registro e câmaras do setor se reúnem para planejar as ações de 2022

Vice-presidente de Fiscalização e Registro e câmaras do setor se reúnem para planejar as ações de 2022

O vice-presidente de fiscalização e registro do CRA-RS, Adm.Luiz Klippert, e as câmaras de Fiscalização e Registro estiveram reunidos para planejar as ações de 2022, no dia 30 de novembro. Além da intensificação das fiscalizações presenciais no interior do estado e de um maior controle dos editais de concursos e licitações, o vice-Presidente da área informou que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) baixou uma norma orientando o Poder Judiciário a exigir o registro de empresas de vigilância e segurança no CRA-RS.

Segundo Klippert, esse reconhecimento por parte do próprio presidente do STF, Ministro Luiz Fux, demonstra que o CRA-RS estava certo ao exigir a retificação dos editais de licitação nesse segmento. "A prestação do serviço de segurança privada aos órgãos públicos está inserida na terceirização de mão de obra e se enquadra como área típica da Administração.  Agora, com a manifestação do CNJ, não resta mais dúvida de que essas empresas precisam estar registradas no CRA para poderem atuar legalmente", ressaltou.