Vice-Presidente de Fiscalização e Registro fala sobre os riscos e as incertezas de administrar em tempos de crise
27/06/2024

Vice-Presidente de Fiscalização e Registro fala sobre os riscos e as incertezas de administrar em tempos de crise

O vice-presidente de Fiscalização e Registro do CRA-RS, Adm. João Alberto Gonçalves Junior, foi um dos palestrantes da live “O malabarismo de administrar os riscos e incertezas em tempos de crise”, promovido pelo CRA-SC. Ao abordar a tragédia climática enfrentada pelo Estado, o Administrador observou que toda empresa que visa a perenidade está à mercê de riscos e incertezas. “Todo negócio vai buscar um ambiente perene, seguro e produtivo e, assim, estará propenso a riscos. Cabe aos gestores buscar gerenciar estes riscos para garantir  presença no mercado”, constatou. Para essa perenidade, o vice-presidente destacou ferramentas fundamentais como o plano de negócios e o plano estratégico. “Não podemos nos esquecer dessas ferramentas. Precisamos entender os riscos da empresa e os caminhos para dirimir problemas”, destacou.

O administrador falou ainda sobre o programa de mentoria para micro e pequenas empresas atingidas pelas enchentes, capitaneado pelo CRA-RS. A iniciativa, ligada ao projeto Amplifica RS — da Câmara de Micro e Pequenas Empresa — irá auxiliar os negócios que necessitam de mentoria em áreas específicas, como financeira, logística, plano de negócios e captação de recursos. “A consultoria é gratuita e estamos com bastante participação das empresas. Esse é um movimento em que, além de ajudar, nós também acabamos aprendendo”, contatou. O projeto conta ainda com a adesão dos conselhos de Administração de Minas Gerais, Santa Catarina, Espírito Santo e Pernambuco.

A live teve a participação do presidente do Sindilojas Porto Alegre e diretor Administrativo Financeiro do Grupo Elevato, Adm. Arcione Piva, que falou sobre a situação dos lojistas na Capital. Enfatizou dados de uma pesquisa sobre os impactos das chuvas no comércio, destacando que dos 25 mil CNPJs em Porto Alegre, em torno de 9 mil foram afetados. “Apurando o tamanho do prejuízo, 80% dos lojistas não tinham seguro contra enchente e inundação. Muitos nem sabiam se tinham seguro ou não”, observou. Já a conselheira de Administração e Fiscal do CCA+CCF/ IBGC, Admª. Túlia Brugali, abordou a importância de um plano de continuidade do negócio. “Especialmente os negócios mais sofisticados, precisam analisar os riscos de negócios, como impacto, e fazer um plano de contingência se o risco se concretizar. Riscos climáticos serão cada vez mais frequentes e intensos. Já as menores, necessitam de ajuda profissional”, afirmou.

O evento foi realizado pela Câmara Jovem do CRA-SC, em parceria com a Câmara Jovem do CRA-RS e a Câmara Júnior do CRA-PR. A live contou com 140 visualizações durante a transmissão, chegando a 193 até o fim da semana.